sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Até tentam, mas não conseguem justificar o injustificável




O editor da coluna Informe  JP  do jornal Pequeno desta sexta-feira (07), tenta justificar através de inverdades e meias verdades, o injustificável, truculento, anti-democrático e autoritário ato do ex-deputado FD, que em mais um surto de intolerância ao contraditório,  impetrou ação na 10ª Vara Cível contra o jornalista Marcos D,Eça. FD acusa o jornalista de praticar os crimes de calúnia, difamação e injúria e pede como indenização o pagamento de 40 salários mínimos.

Na nota do JP, o editor diz que ex-deputado FD agiu de forma autoritária, porque é uma pobre e indefesa  vitima de ataques agressivos por parte de de blogues alinhados ao Palácio dos Leões. Ora faça me o favor, o que a nota não diz é que o ex deputado nada tem de vitima, pelo contrario, através de um grupo de jornalistas/blogueiros que desempenham a função clara de assessores em plena campanha eleitoral atacam de forma desleal, agressiva e caluniosa, todos os dias membros do governo do estado. 

Em outra parte a nota diz que pela primeira vez o ex-deputado é obrigado a recorrer a justiça, em defesa de sua honra e dignidade. O que é mais uma inverdade, a verdade é que o ex-deputado não aceita criticas, não tolera o contraditório, para ele, todos devem elogia-lo e rezar em sua cartilha, reverencia-lo, todos devem dizer a mesma coisa ,caso contrario,a justiça será sempre acionada para intimidar e calar aqueles que ousam discordar do que ele diz e pensa.

A nota termina com uma frase que mais parece piada, vindo de onde vem, e dita pelo JP, e pelo ex deputado FD.    "alerta a sociedade maranhense para a necessidade de um processo eleitoral que priorize o debate de ideias, a apresentação e debates de propostas. Afinal, é preciso, desde já, dizer não às baixarias no processo eleitoral."

Portanto são os que se dizem vitimas, os mesmos que usam, portais, blogues, jornais, canais de TV e as redes sociais, diariamente para disseminar baixarias e ataques pessoais, como forma de tentar intimidar e calar aqueles que ousam discordar deste engodo, que é a tentativa de mostrar como novo e transformador algo que já nasceu contaminado com o autoritarismo, a demagogia e o velho ranço da ditadura.

Vale ressaltar que o blogue do Luis Pablo também foi vitima de censura por parte do ex-deputado. A Justiça Eleitoral, determinou que “no prazo de 24 horas” duas publicações sejam retiradas “sob pena de multa diária no valor de R$ 500″.

Não citei o nome do ex-deputado, apenas as iniciais, temendo ser também processado ou denunciado.
Leia a nota do JP:

Em legítima defesa

"A onda de ataques ao pré-candidato oposicionista Flávio Dino vem se acentuando e ganhando formas cada vez mais agressivas, ultrapassando todos os limites aceitáveis no jogo democrático. Tais ataques tem sido feito especialmente por blogs alinhados ao Palácio dos Leões, descambando frequentemente para o cometimento de injúrias, calúnias e difamações.
O editor de política do jornal O Estado do Maranhão e blogueiro Marco Deça, por exemplo, recentemente atribuiu a Flávio Dino a responsabilidade pelo clima de insegurança e até pelo incêndio criminoso a ônibus que acabou vitimando mortalmente a menina Ana Clara. Não é preciso ser aliado político do presidente da Embratur para exclamar: quanto absurdo!
Em função desses ataques, e especialmente da virulência que adquiriram, Flávio Dino resolveu, pela primeira vez, se socorrer na Justiça. Age neste caso em defesa de sua honra e dignidade , ao mesmo tempo que alerta a sociedade maranhense para a necessidade de um processo eleitoral que priorize o debate de ideias, a apresentação e debates de propostas.
A atitude de Dino, além de dar a ele o sagrado direito de se defender repondo a verdade, nos chama à reflexão. Afinal, é preciso, desde já, dizer não às baixarias no processo eleitoral."
Jornal Pequeno 07/02/2013 -  Informe JP
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Clinica Santo André

Clinica Santo André