quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Parceria Sedihc/Alumar possibilita capacitação de jovens








Cerca de 40 jovens e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas, egressos e da comunidade do entorno da área da Fonte do Bispo serão capacitados pelo Projeto Marcenaria Escola, desenvolvido pela Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc), em parceria com a Fundação Alcoa.

O Projeto Marcenaria Escola foi lançado, nesta quarta-feira (12), no auditório da Funac. Participaram da cerimônia, secretária Luiza Oliveira (Sedihc); a presidente da Funac, Anaílde Everton; Andréa Lauande (Semcas); Dulcimar Soares, gerente de Sistema de Gestão, Meio Ambiente e Segurança do Trabalho e Relações Institucionais da Alumar.

Na ocasião foram apresentados os objetivos e etapas do projeto que tem como público-alvo, jovens de 16 a 21 anos. Um dos intuitos do curso é ampliar o acesso ao processo de profissionalização e ao mercado de trabalho, como explicou a presidente da Funac, Anaílde Everton. "Esse projeto, resgata o protagonismo dos adolescentes. O curso vem dar um impulso para que o jovem veja que ele ainda tem oportunidades. Assim como a Funac, a Fundação Alcoa, nossa parceira, vê nos nossos jovens e adolescentes, a possibilidade de transformação, investindo para que eles possam ser os agentes de sua própria história", destacou.

A secretária de Estado de Direitos Humanos, Luiza Oliveira ressaltou a importância da capacitação dos adolescentes e das ações desenvolvidas em prol dos jovens que cumprem medidas socioeducativas. "A formação profissional e ações de ressocialização desses adolescentes é de extrema importância para que a vida desses jovens seja recuperada. Estamos fazendo projetos na área de escolaridade e também fazendo projetos voltados para a saúde integral, vamos otimizar a equipe da saúde na atenção a esses adolescentes. Isso é importante para o rendimento e recuperação desses jovens", afirmou.

Dulcimar Soares, gerente de Sistema de Gestão, Meio Ambiente e Segurança do Trabalho e Relações Institucionais da Alumar, ressaltou o investimento de cerca de R$ 100 mil. "A Alumar é altamente comprometida com a questão social da nossa cidade. Por isso, nós estamos focando e investindo em capacitação, nós queremos dar oportunidade para os jovens terem melhores condições de vida, dar oportunidade de crescimento e profissionalizar essas pessoas".

"Nós estamos investindo nesse projeto mais de 100 mil reais, onde será trabalhada a capacitação de marcenaria para pelo menos 40 jovens. Isso é uma oportunidade para fazer a diferença na vida dessas pessoas", enfatizou.

Marcenaria Escola

O curso terá duração de três meses, serão 200 horas/aulas nos turnos matutino e vespertino de segunda à sexta-feira. Participarão do curso 24 jovens em cumprimento de medidas socioeducativas, oito jovens egressos da instituição e oito da comunidade local.

Os móveis fabricados pelos adolescentes irão para as unidades da Funac, como armários, camas etc. A Funac conta com 117 adolescentes em São Luís e Imperatriz.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Clinica Santo André

Clinica Santo André