sábado, 24 de maio de 2014

Operação Varredura apreende 28 adolescentes portando armas e drogas no Reviver


Armas brancas, cachimbos, isqueiros e sprays apreendidos na Operação
Varredura












A operação que resultou na apreensão de 28 adolescentes nesta sexta-feira (23), em São Luis, bem que poderia ser chamada de OPERAÇÃO ENXUGA GELO.

Existe uma grande divida social com estas crianças e adolescentes que perambulam pelas ruas da Grande São Luis, ao invés de vilã, elas são na verdade, indefesas e inocentes vitimas de um sistema perverso, egoísta e assassino, que exclui, ignora e elimina crianças, jovens e adultos.

Sem educação, saúde e moradia eles tornam se um incomodo, o estorvo, parias, marginais de uma sociedade consumista e excludente que olha apenas para o próprio umbigo. Não basta usar força policial para apreender, é preciso ressocializar, reinserir na sociedade, criar e oferecer condições de vida digna para estes adolescentes. 
 
Responsáveis pela maioria dos muitos assaltos e roubos que acontecem a todo instante na área do centro histórico de São Luis, adolescentes em situação de risco ou em conflito com lei, vagam pelas ruas da capital sem serem incomodados ou abordados por nenhuma autoridade, quem transita pela região sabe bem do que estou falando.

Na noite desta sexta-feira (23), as autoridades acordara e decidiram fazer uma operação na área,  batizada de 'Varredura', a operação contou com a participação da 
Companhia de Policiamento Turístico (CPTur), Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e Conselho Tutelar.

Com o objetivo de verificar a presença de menores em situação de risco e vulnerabilidade, além de atuar na prevenção ao consumo de drogas e álcool, a Operação Varredura, vistoriou bares e casas noturnas localizadas na Praia Grande, além de praças e logradouros públicos.

O resultado foi a apreensão de 28 adolescentes, com idade entre 14 e 17 anos. Além da apreensão de cinco facas, cachimbos, drogas, isqueiros e sprays de pichação.

O caso mais grave de ato infracional registrado na ação, foi a tentativa de lesão corporal entre adolescentes. Um garoto de 14 anos, que já é conhecido pela polícia, tentou ferir outro com um artefato pontiagudo.

Depois de todo o trabalho e esforço da equipe composta por 38 policiais militares, três cães, três conjuntos da cavalaria, seis motocicletas, três viaturas da Polícia Militar, duas viaturas e agentes da Polícia Civil, para apreender os adolescentes,vem a frustração e a sensação de que estão apenas enxugando gelo, os apreendidos foram encaminhados ao Conselho Tutelar do Centro Histórico e em seguida liberados aos responsáveis.

De acordo com o major Roberto Moreira Filho, comandante da ação, a Operação Varredura continuará sendo realizada nos próximos fins de semana.

Entre em contato com este espaço, envie sua noticia, fotos e informações para:
jornalistaaabimaelcosta@gmail.com
Whatsapp: 8175-0173







  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André