segunda-feira, 26 de maio de 2014

Prefeitura se porta como figurante na greve dos rodoviários





Panfleto apócrifo, sem assinatura e com erros de português, esta sendo distribuído nas ruas da capital desde cedo. A nota anuncia paralisação de 100% da frota de ônibus em São Luis nesta terça-feira (27). Alguns apressados atribuem a autoria do comunicado ao Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Maranhão (Sttrema), fato que ainda não foi confirmado.

Ator principal na cansativa novela "Greve dos Rodoviários", a prefeitura de São Luis, tentar escapar do papel de protagonista e se comporta como mero coadjuvante ou figurante desta cansativa reprise do melodrama "Greve de ônibus".

A prefeitura apenas acompanha de forma tímida e acanhada o desenrolar do impasse, como se não fizesse parte do problema. De um lado os empresários são taxativos em afirmar que sem reajuste de tarifa não haverá reajuste de salários, não tem como fazer nenhuma contra proposta as reivindicações da categoria. O sindicato da empresas de ônibus alegam que o sistema está falido e apelam para que o prefeito solucione o problema.

Do outro lado os trabalhadores revoltados por não receber nenhuma contraproposta dos empresários, ameaçam paralisar 100% da frota nesta terça-feira (27), eles reivindicam de forma justa e legal aquilo que lhes é de direito, já que são submetidos a uma jornada de trabalho estafante, em uma frota sucateada, com veículos velhos, transitando em uma cidade destruída e ainda são obrigados a pagar peças danificadas durante as muitas viagens pelas ruas e avenidas esburacadas de São Luis.

Refém desta queda de braço entre empresários, trabalhadores e prefeitura, a população fica prejudicada. Sem ter como sair de casa, é impossível trabalhar, estudar ou resolver qualquer problema, cerca de 800 mil pessoas estão sem transporte na Grande São Luis. Mesmo com a determinação da justiça de que 70% da frota circule enquanto durar a greve, a população não confia no cumprimento desta determinação e prefere ficar em casa até que o impasse seja resolvido, já que é costume da categoria paralisar 100% da frota sem aviso prévio e abandonar o usuário no meio do caminho ou fazer a chamada operação tartaruga rodando a 20 ou 40Km/hora.

Diante de tudo este caos, o prefeito da capital sem mantém calado, nenhuma proposta para impasse, nenhuma tentativa de negociação, até parece que nada está acontecendo em São Luis, e pensar que este mesmo prefeito quando candidato, apresentou tantas propostas mirabolantes para resolver o problema da mobilidade urbana e do sistema de transporte coletivo de São Luis e agora parece que esqueceu tudo, ou era apenas encenação para vencer o pleito.

  


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André