sábado, 2 de agosto de 2014

Justiça Eleitoral suspende pesquisa irregular do Data M






A pesquisa do instituto Data M que seria publicada neste domingo (dia 3) no jornal Atos & Fatos foi suspensa pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A Justiça eleitoral determinou uma multa diária de R$ 50 mil ao instituto e ao jornal.

Segundo a decisão do juiz Ricardo Macieira a pesquisa apresenta dados irregulares. “A captação de dados apresenta irregularidades capazes de comprometer a autenticidade do questionário”, anotou o juiz na decisão.

Dos 17 quesitos com indícios de irregularidades na pesquisa do Data M, a Justiça Eleitoral entendeu que sete deles comprometem o levantamento. O instituto já foi condenado pela Justiça Eleitoral a pagar uma deR$ 53.205,00 por fraudes em pesquisa eleitoral.

O Data M é de propriedade de José Machado, funcionário do candidato a senador Roberto Rocha (PSB).

No levantamento que a Data M fez, o nome do candidato da coligação Para Frente Maranhão foi apresentado como “Edinho Lobão Filho” e não como registrado na Justiça Eleitoral, LOBÃO FILHO.

De acordo com a decisão da Justiça Eleitoral a maneira como apresentado, pode levar a uma situação de direcionamento da pergunta ao atrelar os nomes dos candidatos a situações que são subliminarmente apresentadas como sendo opções favoráveis ou desfavoráveis ao candidato, sem nenhuma justificativa sobre a pertinência da colocação.

Outro indício de fraude da pesquisa Data M é que não existe no questionário a opção de Voto Branco e Voto Nulo, o que também leva a alteração do resultado da pesquisa.

Ao decidir pela suspensão da divulgação da pesquisa do Data M, o juiz Ricardo Macieira anotou que o levantamento poderia influir na decisão do eleitorado.

“A urgência, por sua vez, se justifica pelo risco (real) de a divulgação dos quesitos mencionados influir na vontade do eleitorado, com possível violação da isonomia que deve ser mantida entre todos os que concorrem ao cargo de Governador do Estado”
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Clinica Santo André

Clinica Santo André