domingo, 14 de dezembro de 2014

Dois jovens mortos e outros dois gravemente feridos em acidente envolvendo motocicletas







Na tarde deste domingo (14), um adolescente de 16 anos, morreu vitima de acidente de transito, segundo informações. o jovem conduzia uma motocicleta em alta velocidade, ao aproximar-se de uma curva, perdeu o controle da moto e colidiu em um poste. O adolescente que estaria alcoolizado e não usava capacete no momento do acidente teve morte imediata.

O acidente aconteceu no caminho da Barra dos Macacos, Município de Mata Roma MA. O corpo do adolescente foi levado para o Hospital de Mata Roma, em seguida liberado para os familiares que moram no Povoado Morais, município de Anapurus, onde deve acontecer o sepultamento.

No centro da cidade de Bacabal também na tarde deste domingo (14), um acidente envolvendo um automóvel modelo Siena e uma moto com três ocupantes, resultou na morte de uma pessoa e outras duas feridas gravemente.

O acidente aconteceu no cruzamento da rua Getúlio Vargas com a Rua Teixeira Mendes, segundo informações, o condutor da motocicleta avançou o sinal vermelho colidindo frontalmente com o automóvel. Os ocupantes da motocicleta foram identificados como sendo, Alessandra Nunes de 16 anos, Vanessa de Almeida Sousa de 19, e Israel Costa Chaves de 22 anos. Os três foram socorridos e encaminhados em estado grave para o Pronto Socorro Municipal. 

No inicio da noite a jovem Vanessa de Almeida Sousa de 19, não resistiu aos graves ferimentos e morreu no Pronto Socorro, a adolescente Alessandra Nunes foi transferida para um hospital de alta complexidade. 

Conforme o MAPA DA VIOLÊNCIA 2013:Acidentes de Trânsito e Motocicletas, em 2011,  a morte de motociclistas no Maranhão representou 51.5% do total de mortes no transito, morreram 1.482 pessoas vitimas de acidente de transito, destas, 763 eram motociclistas. Em 2001 o estado do Maranhão ocupava a 27ª posição, com uma taxa de 8,7 óbitos por 100 mil habitantes, em 2011 saltou para a 17ª posição com uma taxa de 22,3 óbitos em acidentes de transito por 100 mil habitantes, um alarmante aumento de 155.9% em 10 anos.

Ainda segundo o MAPA DA VIOLÊNCIA 2013:Acidentes de Trânsito e Motocicletas o numero de motociclistas mortos em acidentes de transito no Brasil aumentou de forma trágica, o número de óbitos passou de 1.421 em 1996 para 14.666 em 2011, um aumento espantoso de incríveis 932,1%. A partir de 2008, o crescimento fixou-se em torno de 15% ao ano.

Existe uma perversa combinação de fatores que contribuem para aumentar esta estatística macabra, porém eles por si só não são suficientes para explicar tamanha tragedia. Alguns destes fatores são: os baixos preços das motocicletas; facilidades de financiamento; aumento do numero de carros, com o congestionamento de ruas e avenidas o que leva as pessoas a procurar um meio de transporte mais econômico, e mais rápido além da falta de habilitação dos condutores.

Porém o motivo principal de todas estas mortes violentas, é a falta de fiscalização por parte das autoridades, parece existir uma certa complacência, um descaso, aqueles que deveriam fiscalizar com rigor, fecham os olhos para o problema, assim os condutores sentem se a vontade para pilotar motos sem capacete, sem CNH - Carteira Nacional de Habilitação, ingerir bebida alcoólica e dirigir em ruas e avenidas, rodovias MAs e BRs, colocando em risco a sua vida e de pedestres, garupas e de outros condutores.

E necessário que medidas urgentes sejam tomadas para reduzir esta matança programada e anunciada. Programas de educação e conscientização para uma direção responsável e defensiva, nas escolas, igrejas, associações de moradores. Fiscalização intensiva por parte das autoridades, com tolerância zero para irregularidades que podem custar vidas, pesadas multas, apreensão de veículos e dos condutores em casos de infrações mais graves. Estas medidas diminuiriam o numero de vitimas, além de desestimular outros de infligir a lei.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André