sexta-feira, 19 de maio de 2017

Miranda do Norte: prefeito determina reforma e ampliação de Delegacia de Polícia Civil sucateada



A Delegacia de Policia Civil de Miranda do Norte é apenas mais uma das centenas de outras DEPOL abandonadas e que funcionam de forma precária no Maranhão. Em situação de completo abandono com as quatro celas interditadas por decisão judicial desde janeiro de 2013, quatro anos e cinco meses depois a DEPOL de Miranda do Norte continua da mesma forma, ou até pior.
Preocupado com esta situação o prefeito do município, Eduardo Belfort acompanhado de uma comitiva, esteve nesta quinta-feira (18), na delegacia para conhecer a realidade do local. Recebida pelo delegado do município,  José Souza Costa  e  pelo Delegado especial Carlos Alberto Damasceno, a comitiva conheceu as instalações da DEPOL, e ouviu dos delegados as fragilidades e limitações do prédio.



Diante da gravidade dos fatos, o prefeito autorizou a realização em caráter de urgência de obras de reformas e melhorias no prédio que abriga a Delegacia.      Conforme Eduardo Belfort, serão construídas três novas salas, uma para recepção, uma mais ampla para o delegado, e outra para o cartório, também serão construídos dois novos banheiros, e instalada  uma caixa de água de 2 mil litros com sistema interno de distribuição, além da pintura e climatização do prédio.

Para o delegado José Souza é necessário que os representantes políticos do município se unam pela causa da segurança pública e busquem junto ao governo estadual e federal melhorias e reforços que assegurem um combate efetivo a violência e a criminalidade, com a efetiva estruturação física e de material humano, tanto para a Policia Civil, quanto para a Militar.       

A atitude firme do prefeito Eduardo Belfort, em determinar  a realização de melhorias e reformas na DEPOL com recursos do município, é sem duvida um grande passo em busca deste entendimento e parceria, além disso, demonstra  a preocupação do gestor com a segurança pública e seu objetivo em priorizar o combate a violência e a criminalidade.   

É preciso alertar que Miranda do Norte precisa de atenção especial na area de segurança pública, é inadmissível que um município com população estimada em 28 mil habitantes, - dados IBGE -, localizado em posição estratégica e  privilegiada, no entroncamento rodoviário das BRs 135 e 222, além de ser cortado pela Estrada de Ferro Carajás, tenha um efetivo de três investigadores e um delegado, e apenas uma viatura que por conta dos vários anos de uso precisa passar por constates reparos mecânicos, ou seja, o carro está sucateado e quase diariamente precisa passar pela oficina mecânica.      


A Polícia Militar também enfrenta problemas no município, com apenas uma viatura antiga, e efetivo reduzido, os policiais fazem um esforço redobrado para atender as ocorrências.     
     
O governo do Estado parece ter virado as costas para Miranda do Norte, afinal em 10 de janeiro de 2013 A juíza Samira Barros Heluy, titular da 2ª Vara da Comarca de Itapecuru-Mirim, interditou as quatro celas da DEPOL e até agora nada foi feito para resolver a grave crise na segurança pública do município, apesar das inúmeras reivindicações e apelos dos diversos representantes políticos do município.       

01 - Em abril de 2015 durante reunião com lideranças políticas em Miranda do Norte, o 
deputado estadual Glalbert Cutrim. Glalbert afirmou que a construção de um Complexo Policial em Miranda do Norte seria essencial e urgente porque além de reforçar o sistema segurança em Miranda, vai também ajudar os municípios próximos, já que hoje os casos que requerem investigação policial; e as vezes até o registro de Boletim de Ocorrência, dependem da Delegacia Regional de Itapecuru-Mirim.

“Ainda esta semana apresentarei indicação na Assembleia Legislativa solicitando providências, por parte do Governo do Estado, no sentido de reestruturar e reativar a Delegacia. Além disso, tratarei do assunto pessoalmente com o secretário estadual Jeferson Portela (Segurança Pública)”, afirmou o parlamentar.http://www.abimaelcosta.com.br/2015/04/construcao-de-complexo-policial-em.html

Dois anos se passaram e nada aconteceu até agora


02 - Durante reunião realizada na Câmara municipal de Miranda do Norte, em 05 de dezembro de 2016, da qual participaram o Coronel Laércio Osório Bueno, comandante da área de Policiamento do Interior 7, Que compreende 39 municípios, com sete unidades operacionais sediadas nas cidades de Rosário, Itapecuru-Mirim e Chapadinha; o Coronel Rômulo Henrique Araújo Costa, comandante da 8ª Companhia Independente da PMMA, com sede no município de Itapecuru-Mirim; e o Tenente Muniz, comandante da Polícia Militar de Miranda do norte, foram anunciadas algumas medidas: para combater a violência, que devem ser colocados em pratica imediatamente, entre elas, assegurou que vai aumento do efetivo policial no município, intensificação das operações com abordagens mais constantes nas ruas e avenidas da cidade, disponibilizar mais uma viatura para apoio tático, e a construção de um moderno complexo policial no município. http://www.abimaelcosta.com.br/2016/12/cupula-da-seguranca-publica-anuncia.html
Cinco meses se passaram e nada aconteceu
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André