terça-feira, 20 de setembro de 2016

Hospital inaugurado mês passado por Flávio Dino negligenciou atendimento a paciente que morreu este fim de semana


- Deputada cobrará informações e providências sobre negligência em Santa Inês -

O hospital macrorregional de Santa Inês, inaugurado mês passado por Flávio Dino, negligenciou atendimento a paciente que morreu neste fim de semana. No vídeo, a enfermeira revela que o hospital ainda não está funcionando. INACREDITÁVEL! Um hospital de mais de 100 leitos para atender toda a região do Vale do Pindaré é um engodo, não está atendendo as urgências da região. Inaugurado com tanta festa e zoada pelo governo, mas não serve pra salvar uma vida. Andrea Murad


A deputada Andrea Murad publicou nas redes sociais um vídeo e áudios denunciando o não funcionamento do hospital macrorregional de Santa Inês, inaugurado mês passado pelo governador Flávio Dino com muita festa, mas que não serve pra salvar uma vida.


“O hospital inaugurado mês passado por Flávio Dino negligenciou atendimento a paciente que morreu neste fim de semana. No vídeo, a enfermeira revela que o hospital ainda não está funcionando. INACREDITÁVEL! Um hospital de mais de 100 leitos para atender toda a região do Vale do Pindaré é um engodo, não está atendendo as urgências da região. Inaugurado com tanta festa e zoada pelo governo, mas não serve pra salvar uma vida. Amanhã tratarei desse assunto na Assembleia Legislativa e cobrarei providências imediatas sobre o caso negligenciado neste fim de semana”, disse a parlamentar.

Em outros áudios que estão circulando nos grupos de whatsapp, um cidadão está revoltado com a morte de Carlos Alberto, conhecido por Tina Pepper, vítima de um AVC e que não foi atendido no Macrorregional de Santa Inês.
Link do áudio:

“O hospital inaugurado e não funciona pra nada, eu fico indignado... Apenas para funcionário se instalar e dormir...no ar condicionado a custa de quem? Do meu imposto... Fala mal do governador porque foi ele que veio aqui fazer um circo aqui uma palhaçada aqui dentro de Santa Inês dizendo que a população agradecia pelo hospital macrorregional Tomás Martins que não presta, não serve pra nada, essa praga, apenas para botar os funcionários lá dentro pra tá deitado”, diz o cidadão.


Em mais um áudio, uma mulher explica por que o hospital não está funcionando, apenas o ambulatório para consultas e exames médicos.
Link do áudio:


“O que acontece é que nós dependemos da regulação de leitos que ainda não está liberada para o recebimento de internações. Que fique bem claro que o hospital está fazendo sim seus atendimentos apenas no setor ambulatorial”, diz a mulher.

Assecom/ Dep. Andrea Murad
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André