segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

A implantação da tecnologia de aproveitamento de água do mar vai reduzir em 30% o consumo de água potável




Se adotarmos essa prática no Brasil iremos economizar cerca de 30% do consumo de água potável. É uma economia valiosíssima que ajudará a diminuir a sobrecarga dos sistemas de captação, tratamento e distribuição em diversas cidades, especialmente as localizadas na orla marítima”

“Sem os devidos cuidados com o meio ambiente, em pouco a terra não suportará a demanda por água e alimentos. Assim sendo, devemos agir rápido em busca de alternativas para a solução dos crescentes problemas de saneamento ambiental e produção de energia limpa. A crise hídrica vivenciada por alguns Estados brasileiros nos mostra a necessidade de ações urgentes. Um dado animador é que já existem tecnologias eficientes. De posse dos dados coletados iremos apresentar propostas e recomendações ao governo federal e a todas as instituições brasileiras responsáveis pelas políticas públicas de saneamento ambiental no nosso país” argumentou Hildo Rocha.



Uma comitiva composta por oito deputados federais brasileiros encontra-se em missão oficial na China com o objetivo de conhecer tecnologias de aproveitamento de água do mar, para fins de uso doméstico; reuso de água; produção de energia solar e energia eólica e tecnologias de construção pré-fabricada. O roteiro inclui atividades nas cidades de Hong Kong; Macau; Pequim; Shanghai e Shenzhen.

Integram a equipe os deputados: Hildo Rocha (membro da Comissão de Desenvolvimento Urbano); Damião Feliciano (membro da Comissão de Transporte); Evandro Roman (membro da Comissão de Transporte);Herculano Passos (Presidente da Comissão de Turismo); Jaime Martins; (Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano); José Rocha (membro da Comissão de Turismo); Lelo Coimbra (membro da Comissão de Turismo) e Weliton Prado (membro da Comissão de Desenvolvimento Urbano).

Meio ambiente

O deputado Hildo Rocha disse que a iniciativa busca colher informações técnicas atualizadas, no que se refere ao uso e aproveitamento racional de recursos naturais renováveis, e contribuir com instituições nacionais que atuam no setor de saneamento ambiental.

“Sem os devidos cuidados com o meio ambiente, em pouco a terra não suportará a demanda por água e alimentos. Assim sendo, devemos agir rápido em busca de alternativas para a solução dos crescentes problemas de saneamento ambiental e produção de energia limpa. A crise hídrica vivenciada por alguns Estados brasileiros nos mostra a necessidade de ações urgentes. Um dado animador é que já existem tecnologias eficientes. De posse dos dados coletados iremos apresentar propostas e recomendações ao governo federal e a todas as instituições brasileiras responsáveis pelas políticas públicas de saneamento ambiental no nosso país”, argumentou Hildo Rocha.

Água do mar


O parlamentar maranhense demonstrou entusiasmo quanto à possibilidade de utilização de água do mar nas residências. “Isso já é comum na China. Se adotarmos essa prática no Brasil iremos economizar cerca de 30% do consumo de água potável. É uma economia valiosíssima que ajudará a diminuir a sobrecarga dos sistemas de captação, tratamento e distribuição em diversas cidades, especialmente as localizadas na orla marítima”, destacou o deputado.

Rocha ressaltou que quando a água do mar é utilizada apenas em atividades ligadas ao esgotamento sanitário não há necessidade de se fazer a dessalinização. “O tratamento é relativamente simples. Consiste apenas em retirar as bactérias. Dessa forma, os custos do processo tornam-se economicamente viáveis”, explicou.

Programação
A programação prevê visitas técnicas a corporações especializadas em infraestrutura de saneamento básico; sistemas de tratamento de água e esgoto; instalações que usam água do mar no sistema de saneamento da cidade; sistema de dessalinização de água e visita a instalações de tratamento de água para reuso.

Os representantes do legislativo brasileiro participarão ainda de eventos com Parlamentares da Assembleia Popular de Xangai e irão conhecer o Terminal Multimodal de Xangai; sistema de transporte coletivo movido a energia limpa; Usinas de Transformação de Resíduos Sólidos em Energia.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Clinica Santo André

Clinica Santo André