segunda-feira, 1 de maio de 2017

Ataque ao Povo Gamela: Estado precisa ser responsabilizado. Os agressores punidos." diz o padre Claudio Bombieri



Enquanto o Conselho Indigenista Missionário - CIMI, convoca as organizações e Movimentos Sociais para uma Audiência Pública amanhã, terça-feira, 2 de maio, às 9h, na sede da OAB no bairro Calhau, para tratar sobre o ataque ao Povo Gamela, ocorrido neste sábado (30), em Viana-MA. Autoridades como o secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, e a deputada federal Eliziane Gama divulgam nota sobre o terrivel massacre. O padre Claudio Bombieri faz um emocionante relato do que aconteceu.

A medida que as informações sobre o massacre que vitimou o povo Gamela na tarde deste domingo, dia 30 de abril, no Povoado de Bahias, município de Viana (MA), vão se tornando públicas é que vai sendo possível perceber o extensão do problema e a gravidade do fato. Relatos do padre Claudio Bombieri, mostram uma tentativa de extermínio. "O que houve foi uma incitação de ódio convocada na rádio e com políticos envoMAsacreslvidos que levaram ao ataque aos indígenas. A situação é muito grave. O Estado precisa ser responsabilizado. Os agressores punidos." diz o padre Claudio.  





O secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, se manifestou através de nota, a deputada federal Eliziane Gama divulgou nota lamentando o episódio e cobrando providencias da Secretaria de Estado da Segurança Pública para elucidação do caso. A parlamentar confirmou presença que será realizada nesta terça-feira (2), às 9h,na sede da OAB para tratar sobre o massacre.

O Conselho Indigenista Missionário - CIMI, também divulgou nota convidando as organizações e Movimentos Sociais para uma Audiência Pública sobre o ataque ao Povo Gamela ocorrido ontem em Viana-MA. A audiência será amanhã, 2 de maio, às 9h,na sede da OAB no bairro Calhau. Vários indígenas foram baleados e tiveram as mãos decepadas.

Mensagem de padre Claudio Bombieri
Bom dia.
Dois indígenas feridos em estado grave, cinco vieram para o Socorrão 2, Cidade Operária.
Um deles, Aldeli, levou dois tiros, uma bala está alojada na coluna e a outra na costela, teve as mãos​ decepadas e joelho cortados. O irmão dele, José levou um tiro no peito. Outro teve as mãos decepadas.
Inaldo levou um tiro na cabeça e outro no rosto e no ombro. Inaldo está aguardando o resultado da tomografia, dois foram operados.
Na duas outras retomadas conseguiram passar uma noite razoável. Agora a nossa necessidade de fazer presente junto a esse povo.
O que houve foi uma incitação de ódio convocada na rádio e com políticos envolvidos que levaram ao ataque aos indígenas.
A situação é muito grave. O Estado precisa ser responsabilizado. Os agressores punidos.


1 h · 

Desde ontem, estamos acompanhando o conflito que envolve gamelas e proprietários de fazendas nos municípios de Viana e Matinha. A Secretaria de Segurança Pública do Estado reforçou o efetivo policial na área para inibir qualquer ação violenta e, ao mesmo tempo, apurar responsabilidades pelo ocorrido. A Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular, através da Ouvidoria, iniciou a escuta dos feridos, que se encontram na rede pública de saúde. E uma equipe da SEDIHPOP se deslocará para a área em conflito. Amanha, reuniremos com todos os órgãos públicos afeitos à questão para analisar a situação e as providencias que estão sendo tomadas em relação a esse caso, que já se encontra na Justiça.

AUDIÊNCIA PÚBLICA- O Conselho Indigenista Missionário e demais entidades, convocam as organizações e Movimentos Sociais para uma Audiência Pública sobre o ataque ao Povo Gamela ocorrido ontem em Viana-MA. A audiência será amanhã, 2 de maio, às 9h,na sede da OAB no bairro Calhau. Vários indígenas foram baleados e tiveram as mãos decepadas.




SAIBA MAIS





Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas. Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado. Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado. Noticias qualquer um pode divulgam, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André