quinta-feira, 10 de julho de 2014

Delegacia da Mulher realiza ações de prevenção à violência


Delegada Kazumi Tanaka, da Delegacia da Mulher

Através de palestras e parcerias com órgãos voltados à Rede de Enfrentamento a Violência contra Mulher, a Delegacia da Mulher está transmitindo informações para mulheres de São Luís sobre seus direitos. Sob comando da delegada Kazumi Tanaka, a delegacia realiza um trabalho realiza as investigações e, também, coloca em prática ações de prevenção contra a violência.

“Realizamos um trabalho diferenciado dos demais distritos, atuamos também com a articulação de meios que diminuam a violência contra mulher. A conscientização dessas mulheres é fundamental para essa diminuição”, explicou Kazumi.

As comunidades que registram grande número de denúncias são o principal alvo do trabalho de conscientização realizado pela equipe. Entre os bairros com maiores ocorrências estão o Centro, Coroadinho, Liberdade, Maracanã e Anjo da Guarda.

Nos primeiros meses de 2014, foram 2.624 denúncias de mulheres vítimas de violência, número similar ao mesmo período do ano passado. De acordo com a delegada, as ameaças são o principal motivo dos registros. Em 2013, foram requeridas cerca de 1.300 medidas protetivas à Vara de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher. “Isso demonstra que a mulher está mais consciente de que não é apenas a agressão física que caracteriza a violência e que é necessário”, destaca a delegada.

Para a titular da Delegacia da Mulher, a efetivação da Lei Maria da Penha foi fundamental para o aumento no número de denúncias nos últimos anos. Com a criação da Lei, outros órgãos foram criados visando a proteção e maior amparo a mulher “Após a Lei, a mulher ficou mais segura e consciente sobre os seus direitos. O aumento das ocorrências reflete isso e também a necessidade de políticas continuas de enfrentamento a violência contra a mulher. É preciso trabalhar em cima da causa para evitar ”, frisou.

Perfil da Delegada

A delegada Kazumi Tanaka ingressou no ano de 1998 na Polícia Civil do Maranhão. Formada em Direito, atuou na Delegacia de Acidentes de Trânsito (DAT) e em alguns distritos do interior do estado. Integra há dez anos a equipe da Delegacia da Mulher, sendo seis como delegada titular.

É membro do Comitê de Monitoramento do Plano Estadual de Políticas para as Mulheres; do Colegiado da Rede Amiga da Mulher; da Câmara Técnica de Monitoramento do Pacto Nacional de Enfrentamento á Violência Contra a Mulher; Professora da Academia Integrada de Segurança Pública e Vice Presidente do Conselho Estadual da Mulher.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Ouça a Rádio Voz de Arari

PLAYER

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André

Ouça a Rádio Voz de Arari

PLAYER

Apoie, assine e compartilhe

Crie seu próprio questionário de feedback de usuário

REGISTRO - 1608/MA

REGISTRO - 1608/MA

O amanhã é hoje

O amanhã é hoje

DISQUE DENÚNCIA - MIRANDA DO NORTE

DISQUE DENÚNCIA - MIRANDA DO NORTE

...

...

GCL - CONSTRUÇÕES

GCL - CONSTRUÇÕES

Fale Comigo

Nome

E-mail *

Mensagem *