Pular para o conteúdo principal

Funcionários de terceirizada da Cemar são presos depois de cortarem energia de delegacia em São Luís



- Imagem ilustrativa -

Dois funcionários de uma empresa terceirizada que presta serviço para a CEMAR, foram presos na manhã desta terça-feira (27), em São Luís, depois que cortaram a energia elétrica do 5º Distrito Policial, localizado no bairro Anjo da Guarda. 


O Delegado Walter Vanderlei,que comanda o 5º DP, foi quem determinou a prisão dos funcionários da terceirizada, segundo ele, os dois devem responder pelo crime de danos ao patrimônio público. Já a CEMAR informou que os funcionários agiram corretamente e dentro dos procedimentos legais, já que a unidade consumidora em questão possuía pendências.

Em outras palavras, a delegacia estava com as contas de luz atrasadas, e ao invés de pagar os débitos, preferiu colocar na cadeia os dois trabalhadores que estavam apenas cumprindo a lei. 

A ação no minimo equivocada e atabalhoada, é um tapa na cara do cidadão trabalhador, e um recado para a sociedade, não precisa pagar a conta de energia, basta ameaçar e constranger os funcionários responsáveis pelo corte. 

A Secretaria de Estado da Segurança Pública não se manifestou sobre o caso       

Comentários

OUÇA a RÁDIO VOZ DE ARARI

Denuncie, seja os olhos e os ouvidos da polícia!

Clinica Santo André

Clinica Santo André

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública