Pular para o conteúdo principal

CANTANHEDE: Projeto resgata a história de um jesuíta italiano na terra dos Barbados




Com a abertura de uma trilha entre o povoado Campestre em Cantanhede e o povoado Marajá, em Pirapemas, o Projeto Barbados busca além do resgate da história do padre italiano Gabriel Malagrida com recorte especifico para sua passagem e atuação na região dos Barbados, revitalizar o "caminho do padre" ou Caminho dos Jesuítas, rota que serviu durante muito tempo como ligação entre a atual MA 332 e a estrada de ferro São Luís -Teresina. 

TRABALHO DE RECONHECIMENTO DO CAMINHO DOS JESUÍTAS

Na terça-feira (20), uma equipe  iniciou o processo de reconhecimento do início do Caminho dos Jesuítas, O Projeto prevê uma trilha entre o povoado Campestre em Cantanhede, que será o início do percurso, com homenagem ao padre italiano Gabriel Malagrida e o povoado Marajá, em Pirapemas, que será o final do percurso, com homenagem ao padre Antonio Vieira. 

Durante a incursão de reconhecimento do "caminho do padre" ou Caminho dos Jesuítas, a equipe contou com o apoio de um morador da região, o agricultor Salvador; do coordenador de Juventude, Sandro Barbosa; do coordenador de Ciência e Tecnologia, Carlos Prazeres.

Vestígios de uma construção, que provavelmente data a presença destes missionários na região dos Barbados foi encontrada pelos exploradores.  Salvador enfatizou as "encantorias" do lugar,  e o respeito, que os moradores da região devotam ao local. 

A PASSAGEM DO PADRE GABRIEL MALAGRIDA PELA REGIÃO DOS BARBADOS


Um dos personagens mais emblemáticos do Brasil Colônia, o padre Gabriel MALAGRIDA, nasceu em Monaggio, na região da Lombardia, no Norte da Itália. 

Missionário da ordem dos Jesuítas e ardente defensor da catequese e da educação colonial, o padre Malagrida esteve na região dos Barbados na tentativa de catequizar os hostis silvícolas, mas nem sempre o trabalho dos Jesuítas foi um mar de flores. 

Segundo apontamentos históricos, Gabriel Malagrida foi mandado para uma tribo, considerada como a mais selvagem do interior do Maranhão – a Tribo dos Barbados; onde lá, além de quase conseguir a total conversão dos índios, ainda fundou uma Escola-Missão, que teve grande desenvolvimento, mas chegou a ser torturado pelos índios Barbados, jogado em uma canoa, sobreviveu ao ataque e depois, na volta para Lisboa, foi queimado vivo por ordem do Marquês de Pombal em praça pública.


Comentários

OUÇA a RÁDIO VOZ DE ARARI

Denuncie, seja os olhos e os ouvidos da polícia!

Clinica Santo André

Clinica Santo André

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública