terça-feira, 11 de setembro de 2018

Miranda do Norte merece e precisa de muito mais do que obras de reformas e maquiagens








Por: Abimael Costa 

Nada melhor que o período eleitoral para ativar a memória do governo Flavio Dino, senão vejamos, ausente de Miranda do Norte por quase quatro anos, ignorando todos os apelos e revindicações da população e de seus representantes, bastou começar o período das eleições para o governo do Estado começar a aparecer mesmo que de forma acanhada e discreta na cidade. 

Sem realizar nenhuma obra de pequeno ou médio porte na cidade durante todo o mandato, depois de muitas cobranças, inclusive por parte deste jornalista, o governo reformou o Farol da Educação abandonado desde o inicio da gestão Dino, mudou o nome, de Farol da Educação para Farol do Saber, e na tarde desta terça-feira (11) realiza cerimonia de reinauguração.

Em outra frente, parece que até que enfim, o programa Mais Asfalto que já chegou há tempos em todos os municípios da região, vai desembarcar em Miranda do Norte, e imaginem, são apenas cinco quilômetros de asfalto, enquanto Cantanhede foi contemplado com OITO quilômetros.

Infelizmente, mesmo sendo dura e cruel, a realidade tem que ser dita, Miranda do Norte foi esquecido e discriminado pelo executivo estadual nestes quase quatro anos de gestão comunista.

No apagar das luzes deste governo, faltando menos de três meses para o fim do mandato de Flávio Dino, o que Miranda tem de ações do governo do Estado, são minguadas, pingadas e mirradas obras de reforma, maquiagem e tapa buracos.

Mesmo assim, é possível contar nos dedos de uma mão e ainda sobram dedos, as supostas ações, hoje tão alardeadas, louvadas e exaltadas por figurões locais do PCdoB e aliados do governador, que tem a obrigação de buscar votos para reeleger o governador, sob pena de perderem o "status quo" de emergentes ou novos ricos da região.

Enquanto isso a Delegacia de Polícia Civil do município segue com a carceragem interditada há quase uma década, o prédio está em péssimas condições, falta efetivo e material para o funcionamento minimo da instituição, - recentemente o vereador Paulinho Dourado doou uma impressora para a DEPOL -.

A única viatura á disposição do delegado, está sucateada e sem nenhuma condição de uso, sem contar que a partir de sexta-feira meio dia até o meio dia de segunda, a cidade fica sem delegado, o atendimento é encaminhado para a 2ª Delegacia Regional em Itapecuru Mirim.

Já a Polícia Militar no município trabalha no limite, com um efetivo pequeno e insuficiente para atender a demanda local. Além da deficiência de pessoal, faltam viaturas, equipamentos e estrutura física.

Vale ressaltar um fato inédito registrado em Miranda do Norte e protagonizado  pelo governo comunista,  um veiculo deixada pelo governo anterior, através da Secretaria de Estado da Mulher para uso da SEMM foi retomado pelo atual governo, e até hoje, quase quatro anos depois, apesar dos inúmeros apelos, o veiculo nunca foi devolvido.

Essa ação desastrosa, desumana e cruel vem causando sérios transtornos e limitações nas ações de prevenção e combate a violência contra a mulher no município.

No área da saúde, uma ambulância destinada ao município em junho de 2017, através de emenda do deputado Glalbert Cutrim (PDT), até hoje nunca chegou em Miranda do Norte.

O prédio do CRAS que deveria ter sido inaugurado no início do governo Dino, foi abandonado, sucateado e depredado, restando apenas as paredes. Até agora, o governo se mantem em silêncio sobre o caso. 

Sem falar no eterno problema da falta d'água na cidade que segue sendo solenemente ignorado pela CAEMA, recententemente o governo estadual fez um serviço paliativo, adiando mais uma vez a solução definitiva do problema.

Miranda do Norte merece respeito, atenção e cuidado especial por parte do governo do Estado, não é possível se contentar com migalhas. Em quatro anos tudo que temos são minguadas, pingadas e mirradas obras de reforma, maquiagem e tapa buracos.

Apenas para constar, este jornalista não faz oposição ao executivo estadual, não faz parte de nenhum grupo político, não é filiado a agremiação partidária e não disputa nenhum cargo eletivo.

*Jornalista Abimael Costa - 1608-SRTE/MA

Abimael Costa, 53, jornalista. 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André