Pular para o conteúdo principal

Para o presidente da casa, atentado contra a Câmara de Vereadores de Matões do Norte tem claro viés político partidário


Em Matões do Norte, movimentos orquestrados agem impunemente na calada da noite e na penumbra, aproveitando-se das sombras do anonimato para a prática de graves atentados contra o Estado Democrático e de Direto. Como se não bastasse as recentes ameças de morte sofridas pelo prefeito de Matões do Norte, Padre Domingos Costa; na madrugada desta terça-feira (4), o prédio da Câmara de Vereadores de Matões foi alvo de um ataque criminoso com claro viés e conotação política




Conforme Boletim de Ocorrência 1398/2018 -registrado na DEPOL de Miranda do Norte, a invasão ao prédio da Câmara ocorreu na madrugada desta terça-feira (4), os invasores levaram um notebook de propriedade e uso da secretaria da Câmara Municipal onde estavam armazenados arquivos com documentos da Câmara de Vereadores. 


Dentre os arquivos roubados estão áudios e vídeos das sessões, Projetos de Leis, ofícios, Requerimentos, documentos contábeis da Câmara Municipal entre outros arquivos importantes.

Causou estranheza e perplexidade ao presidente da Câmara Municipal, vereador Joaquim Vieira Lima Neto, o fato de ter sido levado exatamente o note com os arquivos, já que  no local tinha outros equipamentos com valor comercial de revenda superior ao objeto levado, como: impressoras, microfones, caixas de som e outros.

Ainda conforme o presidente da casa, vereador Joaquim Vieira, essa particularidade, aliada ao fato de que ainda nesta madrugada, alguém USOU um perfil FALSO de uma rede social  para  postar alguns arquivos da Câmara Municipal como, cópia da folha do pagamento dos vereadores, além de cópias de algumas folhas de contratos com empresa de material permanente e limpeza do Legislativo, fortalece e corrobora a tese de que o atentado tenha motivações políticas partidárias, uma vez que as informações publicadas foram retiradas  do computador roubado. 

Considerando que o prefeito tem maioria na Câmara municipal, - dos nove vereadores, seis apoiam declaradamente o gestor - o ataque criminoso perpetrado de forma covarde e audaciosa na calada da madrugada tem todas as características de uma tentativa de intimidação e chantagem ao legislativo municipal.

A boa notícia é que todas as publicações fakes foram entregues a polícia judiciária, o fato foi registrado na DEPOL de Miranda do Norte e as ações no sentido de apurar o caso, identificar, localizar e punir os autores diretos e indiretos de mais um atentado a democracia, já estão em pleno andamento.

 “O legislativo municipal é livre e soberano, e não se deixará intimidar por quem quer que seja.  Este lastimável e vergonhoso atentado, não foi apenas contra a Câmara Municipal ou contra os vereadores, mas é um crime contra o patrimônio municipal, contra a ordem, a decência e a democracia, confio na justiça e acredito que todos os envolvidos serão, localizados, identificados e punidos dentro da legalidade jurídica" concluiu o presidente.
  
   

Comentários

Clinica Santo André

Clinica Santo André

Ouça a Rádio Voz de Arari

PLAYER