Pular para o conteúdo principal

Funcionários do Hospital Geral de Matões do Norte buscam apoio do Ministério Público do Trabalho no Maranhão

CRÉDITOS de IMAGENS: TV MIRANTE

Depois de realizarem um protesto na última sexta-feira (1), que resultou na interdição da BR-135 por várias horas, os 256 funcionários do Hospital Geral de Matões do Norte acionaram os sindicatos da categoria (SEEMA, Sindsaúde e Sintaema) e foram a São Luís, em buscar da ajuda do  Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA). 

A julgar pela estratégia e mobilização da categoria, é fácil perceber que os mais de duzentos trabalhadores do HG não levaram muito a sério o que ouviram dos representantes do Estado durante reunião realizada na sexta (1), no Hospital Geral.    

Na manhã desta segunda (4), dezenas de trabalhadores do Hospital Regional de Matões do Norte (MA) estiveram no Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA), em São Luís, para relatar os fatos ocorridos na última sexta-feira (1º), que resultaram na suspensão dos serviços desta unidade de saúde. ENTENDA O CASO AQUI

                                                               CRÉDITOS de IMAGENS: TV MIRANTE

Representantes de três sindicatos da categoria (SEEMA, Sindsaúde e Sintaema) acompanharam os trabalhadores e protocolaram um pedido de mediação e uma notícia de fato sobre o caso.

Segundo o procurador-chefe do MPT-MA, Luciano Aragão, a mediação será conduzida pela procuradora Anya Gadelha Diógenes. A notícia de fato será apurada pelo procurador Maurel Mamede Selares. A distribuição ocorreu por sorteio, pelo sistema do MPT Digital.

CRÉDITOS de IMAGENS: TV MIRANTE

“O MPT-MA vai adotar duas linhas de atuação. A notícia de fato deve resultar na instauração de um inquérito civil, para verificar as possíveis irregularidades. A mediação buscará facilitar o diálogo entre as partes e a construção de um possível acordo”, explica Luciano Aragão.

Segundo os sindicatos, mais de 250 trabalhadores atuavam no Hospital Regional de Matões do Norte (MA). No entanto, com a suspensão dos serviços, esses funcionários estão afastados dos postos de trabalho.

Na manhã desta terça-feira (5), deve ocorrer um novo encontro dos procuradores com os trabalhadores na sede do MPT-MA, em São Luís.

Comentários



OUÇA a RÁDIO VOZ DE ARARI

Denuncie, seja os olhos e os ouvidos da polícia!

Clinica Santo André

Clinica Santo André

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública