quarta-feira, 11 de março de 2020

Deputado Hildo Rocha vai ao ministério da Agricultura em busca de recursos para municípios maranhenses



Durante audiência com a ministra Tereza Cristina, o parlamentar conversou acerca da reativação de convênios que haviam sido cancelados e reivindicou recursos para a construção de estradas vicinais e compra de equipamentos para pequenos produtores rurais do Maranhão

 

Convênios para a construção de estradas vicinais nos municípios de Esperantinópolis e Grajaú, que já deveriam ter sido liberados pelo Ministério da Agricultura, e a liberação de recursos para a compra de equipamentos para pequenos produtores rurais do Maranhão foram os temas da pauta da audiência do deputado federal Hildo Rocha com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina. O prefeito de Esperantinópolis, Luisinho do Posto, e o deputado federal, Pastor Gildenemir também participaram do encontro.


“Agora, mais do que nunca, diante dos problemas causados pelo excesso de chuvas que tem caído em todas as regiões do nosso Estado, as prefeituras vão necessitar de recursos para a recuperação das estradas vicinais. Além dessa questão, muitos produtores rurais irão perder parte da produção, em razão das enchentes ocasionadas pelas fortes que estão ocorrendo em diversas localidades do nosso Estado. Sensível a essa questão, a ministra demonstrou interesse atender as reivindicações dos prefeitos maranhenses que representei na reunião que tive com ela”, destacou o parlamentar.



Obra em execução
Rocha explicou que a situação de Esperantinópolis é referente a um convênio para a melhoria de estradas vicinais, que estão mais de 80% feitas. “As obras estão quase prontas mas, o repasse, no valor de R$ 470 mil, recurso que seria aplicado na parte final do empreendimento foi suspenso por meio de decreto. Como o contrato ainda está dentro do prazo acreditamos que essa demanda será solucionada com relativa facilidade” disse o deputado.

Grajaú
O caso de Grajaú, de acordo com o parlamentar, é mais complexo. “Trata-se de um convênio no valor de R$ 1. 700 mil que foi anulado antes que a obra fosse iniciada. A nossa reivindicação é que o Ministério aceite a reapresentação do projeto a fim de que o município possa receber essa importante ajuda do governo federal. A ministra disse que irá analisar as duas situações. Vamos permanecer atentos, em contato permanente com o Ministério, a fim de que essas demandas sejam atendidas o mais rápido possível”, afirmou Hildo Rocha.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

Ouça a Rádio Voz de Arari

PLAYER

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André

Ouça a Rádio Voz de Arari

PLAYER

Apoie, assine e compartilhe

Crie seu próprio questionário de feedback de usuário

REGISTRO - 1608/MA

REGISTRO - 1608/MA

O amanhã é hoje

O amanhã é hoje

DISQUE DENÚNCIA - MIRANDA DO NORTE

DISQUE DENÚNCIA - MIRANDA DO NORTE

...

...

GCL - CONSTRUÇÕES

GCL - CONSTRUÇÕES

Fale Comigo

Nome

E-mail *

Mensagem *