segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Antônio Pereira lamenta o falecimento de Sálvio Dino, pai do governador Flávio Dino

O deputado Antônio Pereira (DEM) manifestou profundo pesar pelo falecimento do amigo, ex-deputado estadual, ex-prefeito de João Lisboa e procurador aposentado Sálvio Dino, pai do governador Flávio Dino, ocorrido nesta segunda-feira (24), em São Luís.

Neste momento de dor, Antônio Pereira solidarizou-se com familiares e amigos, a quem manifestou sinceros pêsames em nome da esposa Carol, que é parente do falecido, dos demais familiares e da cidade de João Lisboa, que Sálvio Dino tinha muito apreço. 

Natural de Grajaú (MA), Sálvio Dino era jornalista, advogado e escritor. Membro da Academia Maranhense de Letras, onde ocupava a cadeira n° 32. Foi fundador da Academia Imperatrizense de Letras, da qual foi vice-presidente em 1991/1992.

O ex-deputado Sálvio Dino também teve destacada trajetória na política maranhense. Foi eleito vereador de São Luís em 1954 e reeleito em 1958. Em 1962, elegeu-se deputado estadual do Maranhão. 

Após se eleger em 1962, Sálvio Dino foi cassado, em 1964, pelo golpe militar. Em 1974, Sálvio Dino foi novamente eleito deputado estadual e prefeito de João Lisboa no período de 1989 a 1997. 

Além do governador Flávio Dino, o ex-deputado, ex-prefeito e procurador Sálvio Dino é pai do procurador da República, Nicolau Dino, do advogado Sálvio Dino Júnior e do empresário Saulo Dino. Sálvio era casado com Iolete Aranha de Castro e Costa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa