terça-feira, 15 de novembro de 2022

Professor da rede municipal de ensino de Miranda do Norte é indiciado por suspeita dos crimes de assédio sexual e estupro de vulnerável


Concluído nesta segunda-feira (14), pela Polícia Civil de Miranda do Norte, e encaminhado à justiça, inquérito policial que investigou denúncias de que um professor da rede municipal de ensino de Miranda estaria assediando sexualmente, bem como praticando crime de estupro de vulnerável contra adolescentes da escola onde ministrava aulas. 



Por conta do resultado das investigações, a autoridade policial que presidiu o inquérito decidiu pelo indiciamento do professor foragido da justiça, identificado pelas iniciais M. A. F e F., 44 anos, por suspeita dos crimes de assédio sexual e estupro de vulnerável contra adolescentes com idade entre 12 e 13 anos.

 Conforme o presidente do inquérito no bojo das investigações a polícia apurou que o suspeito abordava alunas entre 12 e 13 anos, dentro da própria sala de aula e/ou nas dependências da escola, onde relatava detalhes de sua intimidades sexual e procedia convites a estas alunas para beijos triplo, sexo a três e outras propostas de cunho sexual. 

Consta ainda nas investigações relatos que o professor teria beijado uma ou mais dessas adolescentes dentro da sala de aula, bem como procedido a vários abraços lascivos, onde no curso desses abraços o suspeito aproveitava para tocar as partes íntimas das vítimas. Há relatos inclusive que o suspeito, durante essas abordagens, mostraria fotos sua e de sua parceira sem roupas -nus - como forma de tentar convencer essas adolescentes a prática do chamado "trisal". 

A Polícia Civil esclarece que qualquer ato sexual ou toques íntimos em pessoa menor de 14 anos de idade configurar crime de estupro de vulnerável, mesmo que haja o consentimento da vítima. 

DENUNCIE!

Contamos com sua ajuda, continue mandando suas denúncias para o WhatsApp 98 98465 2125 ou no Instagram @policia_civil_miranda_oficial. Sua denúncia é recebida apenas pelo delegado titular e o anonimato é garantido." Delegado Renilto. 




EM nota a SEMED se manifesta sobre o indiciamento do professor:

NOTA DE ESCLARECIMENTO Sobre o indiciamento de um professor da rede municipal por suspeita da prática dos crimes de assédio sexual e estupro de vulnerável, a Secretaria Municipal de Educação de Miranda do Norte esclarece: 01 - Assim que tomamos conhecimento das graves denúncias determinamos a abertura de sindicância interna para uma rígida e implacável apuração dos fatos bem como o imediato afastamento do suspeito, de suas funções. 02 - Desde o primeiro momento nos colocamos à inteira disposição das autoridades policiais, da justiça e do Ministério Público no sentido de contribuir para a inteira apuração, investigação e elucidação dos fatos. 03 - Nada mais tendo a declarar, a Secretaria Municipal de Educação de Miranda do Norte manifesta total apoio às investigações e mantém-se à disposição para eventuais esclarecimentos que porventura se fizerem necessários. Miranda do Norte, 14 de novembro de 2022 Maria Rosa de Lemos Melo



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Jornalista Abimael Costa