quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

Governo do Maranhão dá nome de sindicalista assassinada em Miranda do Norte a projeto que avalia violência contra a mulher



Negra, mulher e militante das causas feministas, Francisca das Chagas Silva inspira o debate por democracia, justiça, autonomia, igualdade e liberdade aos direitos das mulheres. Encontrada morta no município de Miranda do Norte, em fevereiro de 2016, a sindicalista rural Francisca das Chagas Silva, vítima de feminicídio aos 34 anos, voltou a receber mais uma homenagem póstuma. 

Depois de dar nome ao Centro Acadêmico - I de MAIO - do curso de Direito da UFMA, Francisca das Chagas Silva - RELEMBRE AQUI - agora também foi homenageada pelo Governo do Estado do Maranhão, que nomeou como Francisca das Chagas   o projeto que avalia a violência contra a mulher na Região Metropolitana de São Luís (MA).

Criado pelo Governo do Estado do Maranhão, em uma parceria do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC) com a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Maranhão (SSP-MA), Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIHPOP), Prefeitura e Câmara Municipal de São Luís, além do Ministério Público do Maranhão (MPMA), o projeto Francisca das Chagas projeto apresenta um Painel de Monitoramento de Dados da Violência contra Mulher para integração de ações entre o Sistema Único de Saúde (SUS) e a SSP-MA.VEJA AQUI 

O painel, além de analisar os dados de violência dos municípios de São Luís e elaborar o Banco de Dados Geoespacial da Violência, irá, também, mapear a dinâmica espaço-temporal das ocorrências policiais (crime violento contra a mulher), além do desenvolvimento de metodologias direcionadas a otimização do planejamento e a tomada de decisão interligada ao SUS, visando à proteção dos direitos e liberdades individuais, bem como a proteção da vida e da propriedade dos cidadãos.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Credibilidade é o nosso maior patrimônio

Nosso objetivo é fazer jornalismo com seriedade, produzindo conteúdo regional, sobre política, economia, sociedade e atualidade, na forma de opinião, editorial e criticas.

Não usamos de artifícios como sensacionalismo, imagens apelativas, chocantes ou degradantes, tampouco textos, frases, ou palavras chulas para obter acessos.

Não somos o primeiro a divulgar a informação, mas somos quem apresenta o conteúdo checado, aprofundado e diferenciado.

Aqui oferecemos aquele algo mais que ainda não foi dito, ou ainda não foi mostrado.

Noticias qualquer um pode divulgar, mas com apuração e seriedade só aqui.

Comentários anônimos, ou que contenham, palavrões, pornografia, ataques pessoais, calúnias ou difamações não serão publicados.

Jornalista Abimael Costa

LG Contabilidade Pública

LG Contabilidade Pública

Clinica Santo André

Clinica Santo André